Introduza a palavra a pesquisar
Pesquisa
 
 Próximas Edições   Anteriores Edições   Seminário de Formação Avançada - Vermicompostagem 
Ciclo de Seminários de Formação Avançada  Seminário de Formação Avançada - Vermicompostagem
Ver Calendário APEA para os próximos eventos
     
Seminário de Formação Avançada - Vermicompostagem - Gestão de resíduos e sustentabilidade nas organizações, 7 de Novembro, Lisboa
Inscrição grátis para associados da APEA!

O Seminário inclui uma sessão de formação e um painel com casos práticos.
Seminário de Formação Avançada - Vermicompostagem - Gestão de resíduos e sustentabilidade nas organizações, 7 de Novembro, Lisboa

Seminário de Formação Avançada "Vermicompostagem - Gestão de resíduos e sustentabilidade nas organizações"

DATA:
 7 de Novembro de 2012

LOCAL: Auditório do Departamento de Engenharia Florestal
ISA-UTL - Instituto Superior de Agronomia
Tapada da Ajuda, 1349-017 Lisboa


PROGRAMA
9h:00 Receção aos Participantes

9h:15 Sessão de abertura 

9h:30 Sessão de Formação: Vermicompostagem - Gestão de resíduos e sustentabilidade nas organizações 
Formador: Nelson Lourenço, FUTURAMB 

Conteúdo programático: 
1. Potencial poluente dos RUB (Resíduos Orgânicos Biodegradáveis) e respetivos impactos no 
ambiente e saúde pública; 
2. Caracterização dos diferentes fluxos de resíduos orgânicos; 
3. Definição, conceito e benefícios da vermicompostagem; 
4. Fileiras de resíduos valorizáveis por vermicompostagem; 
5. Capitação dos resíduos orgânicos; 
6. Produtos resultantes da vermicompostagem; 
7. Escalas de vermicompostagem; 
8. Sistemas de vermicompostagem existentes no mercado; 
9. Definição de vermicompostagem centralizada e circuito de valorização; 
10. Custos e défice de exploração de RSU indiferenciados nas autarquias; 
11. Benefícios ambientais, económicos e sociais para as organizações; 
12. Dimensionamento de um sistema de vermicompostagem; 
13. Conclusões e oportunidades futuras. 

12h30 Perguntas e respostas 

13h00 Almoço livre 

14h30 Apresentação de Casos Práticos 
Nelson Lourenço, FUTURAMB 

‐ Potencial de valorização nas habitações dos OAU por vermicompostagem. 
‐ Benefícios da vermicompostagem de biomassa florestal e agrícola comparativamente aos processos de queima. 
‐ Utilização da vermicompostagem para valorização de lamas de ETAR. 
‐ Utilização das minhocas para tratamento de efluentes líquidos domésticos, urbanos e industriais. 
‐ Utilização da vermicompostagem nas escolas – uma ferramenta de benefícios ambientais e coesão social. 

18h00 Encerramento

 INSCREVA-SE JÁ

 Valor das inscrições 

Sócios da APEA
 - gratuito 

(Se tem pelo menos 1 ano de experiência profissional no sector do ambiente agora já se pode tornar sócio extraordinário da APEA. Carregue aqui para saber como se pode tornar sócio da APEA!) 

Não sócios - 60 € 

Não sócios estudantes - 20 € 

Empresas associadas da APEMETA ou BCSD Portugal, Membros da Ordem dos Engenheiros, APAI e ANPQ e Agências de Energia e Ambiente membros da RNAE - 40 € 

Assinantes da Revista Indústria e Ambiente - 40 €

 INSCREVA-SE JÁ

SOBRE O FORMADOR:
Nelson Lourenço 

MSc em Gestão Sustentável dos Espaços Rurais 
BSc em Engenharia Ambiental 
Formador, investigador e consultor em vermitecnologia 

SOBRE A FUTURAMB 

A FUTURAMB tem vindo a posicionar-se como a única empresa no mercado da vermitecnologia capaz de fazer chegar esta ciência às populações de uma forma multifuncional e com uma linguagem simples e objetiva com vista à melhoria da qualidade ambiental, sendo verdadeiramente uma empresa (e a única) especializada nesta vertente, inserindo a sua atividade em:   

  • Tratamento e valorização centralizada de resíduos orgânicos.
  • Consultoria ambiental para a vermicompostagem e vermicultura.
  • Cursos de vermicompostagem / Workhops.
  • Investigação e Desenvolvimento para a vermitecnologia (I&D).
  • Sensibilização ambiental para a vermicompostagem.
  • Projetos em escolas e outros estabelecimentos de ensino.
  • Comercialização de produtos sucedâneos da vermicompostagem: vermicomposto, extrato de vermicomposto, minhocas, entre outros.
  • Desenvolvimento de tecnologias, sistemas e processos para vermicompostagem (ex: vermidigestores), vermicultura, vermiremediação e vermiponia.
  • Produção orgânica de culturas hortícolas utilizando-se os produtos e sub-produtos da vermicompostagem.
 
 
Notícias
Filipe Duarte Santos é o novo presidente do CNADS
Filipe Duarte Santos é o novo presidente do CNADSO Governo aprovou, através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 42/2017, a designação de Filipe Duarte Santos para presidente do Conselho Nacional de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

O novo presidente exercerá funções durante três anos, com possibilidade de renovação, sucedendo a Mário Ruivo, falecido este ano.

Filipe Duarte Santos é professor catedrático jubilado de Física na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.
Administradora da ERSAR nomeada para o bureau do Protocolo Água e Saúde da UNECE
Administradora da ERSAR nomeada para o bureau do Protocolo Água e Saúde da UNECEA administradora da ERSAR Ana Barreto Albuquerque foi nomeada para o bureau do Protocolo Água e Saúde da Comissão Económica das Nações Unidas para a Europa (UNECE).
Poluição atmosférica afeta desenvolvimento das bactérias, aumentando o potencial de infeção
Poluição atmosférica afeta desenvolvimento das bactérias, aumentando o potencial de infeçãoUm grupo de investigadores da Universidade de Leicester, em Inglaterra, publicou um estudo a poluição atmosférica e aspetos de colonização bacteriana e sobrevivência das bactérias.
Azambuja com novo centro de tratamento de resíduos não perigosos
Azambuja com novo centro de tratamento de resíduos não perigososA Triaza vai inaugurar, a 17 de fevereiro, na Quinta da Queijeira, em Azambuja, o novo Centro de Tratamento de Resíduos não Perigosos da Azambuja.
Energia: ADENE quer mais e melhor literacia energética
Energia: ADENE quer mais e melhor literacia energéticaTexto e fotografia por Carlos Alberto Costa

A comunicação com os consumidores, o aumento da literacia energética e a avaliação das políticas públicas do setor são eixos da nova estratégia da ADENE – Agência para a Energia.
Entrevista a Luís Reis, Centro para a Excelência e Inovação na Indústria Automóvel
Entrevista a Luís Reis, Centro para a Excelência e Inovação na Indústria AutomóvelLuís Reis sintetiza a transição a que hoje assistimos de um conceito de automóvel enquanto produto para um conceito de automóvel enquanto parte integrante de uma rede de mobilidade perfeitamente articulada na dinâmica urbana. O responsável pela Mobilidade do Centro para a Excelência e Inovação na Indústria Automóvel (CEIIA) afirma que a indústria já está a acompanhar esta mudança de paradigma, bem como a mudança para uma eletrificação total ou parcial (através da hibridização) dos motores.
 |  Adicionar aos Favoritos  |  Mapa do site  |  Ficha Técnica  |  Membro português da EFAEP  
RSS RSS link  RSS-Eventos RSS Eventos link  RSS-Emprego RSS Emprego link   © Associação Portuguesa de Engenharia do Ambiente 2008 - desenvolvido com Senso Comum Lda.